#COVID19 OMS Cabo Verde disponibiliza mais de meio milhão de dolares

O Acordo surge no Plano de Atividades e orçamentos acordados através da cooperação financeira direta entre o Ministério da Saúde e a OMS

No âmbito da resposta à pandemia de COVD-19 e enquadrado no Plano de Atividades e orçamentos acordados através da cooperação financeira direta entre o Ministério da Saúde e da Segurança Social e a Organização Mundial da Saúde, foi assinado hoje, dia 05 de Junho, na sala de reunião do Ministério da Saúde e da Segurança Social, um acordo de cooperação financeira orçamentado em 62 mil contos, cerca de 650.000USD.

O Ministério da Saúde e da Segurança Social fez-se representar no ato pelo Ministro da Saúde e da Segurança Social, Arlindo do Rosário, e a Organização Mundial da Saúde pelo representante em Cabo Verde, Hernando Agudelo.

Arlindo do Rosário na sua intervenção frisou que "Esse apoio da OMS é um apoio fundamental porque visa exatamente, alargarmos a nossa capacidade de resposta a nível laboratorial; estamos a reforçar o laboratório em S. Vicente; estamos a trabalhar fortemente para mesmo aqui em Santiago criar outros espaços para aumentar essa capacidade; estamos a ver com a Uni-CV, com o Instituto Nacional de Saúde Pública (INPS) um outro espaço no laboratório de entomologia para aumentar essa capacidade e vamos também ver como nos 4 principais pontos de entrada do país, nomeadamente na ilha do Sal". 

Ainda na sua intervenção, salientou também o apoio da OMS para o reforço em recursos humanos na área laboratorial e na gestão de casos com a vinda de um Intensivista.

Hernando Agudelo, representante da OMS, disse que "Há uma situação onde o número de pessoas afetadas hoje está menor do que o previsto no início da pandemia. E creio que isto é o reflexo do trabalho que tem sido feito pelo Ministério da Saúde e pelo Governo”.

Segundo ele, além do apoio técnico, a OMS está também a apoiar financeiramente o País. Realçou que "A OMS tem recebido recursos de muitos doadores para o apoio a nível mundial da resposta a epidemia de COVID19, gostaria salientar que dos recursos disponibilizados hoje neste acordo, uma grande parte veio da União Europeia, alem de outros fundos provenientes da Dinamarca, China e do Azerbaijão".

Estiveram presentes no evento técnicos da OMS e do MSSS que trabalham diretamente no apoio da esta resposta a esta pandemia.

Organização Mundial da Saúde e Ministério da Saúde e da Segurança Social assinam acordo de financiamento para a resposta à pandemia de COVID-19 

 

Entidades da ONU envolvidas nesta atividade
OMS
Organização Mundial da Saúde